Pular para o conteúdo

Os 5 pontos que todo ser humano deve se atentar para ter uma vida com qualidade!!!

Coach, Publicado por Cleiner em 04/06/2018
Silvanews Treinamentos > Coach > Os 5 pontos que todo ser humano deve se atentar para ter uma vida com qualidade!!!

Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), as 5 (cinco) saúdes que todo ser humano deveria se atentar para ter uma vida saudável e com qualidade são:

1-Saúde Física;

2-Saúde Intelectual/Espiritual;

3-Saúde Familiar;

4-Saúde Social;

5-Saúde Econômica e Financeira;

Segundo as estatísticas só 2% da humanidade dão a devida atenção a estas saúdes, os outros 98% simplesmente negligenciam de alguma forma uma ou mais.

Com isto segue aqui algumas dicas positivas para que você crie pequenos hábitos saudáveis de maneira prática e consistente:

1-Saúde Física;

Comece devagar, mas com constância, por exemplo, se você quer começar a caminhar e tem dificuldades de tempo, agenda, etc. Procure fazer mais tarefas do dia a dia a pé. Se vai no centro da cidade para ir ao banco ou outra tarefa que seja, procure estacionar o carro pelo menos um quarteirão de distância, assim você terá que caminhar um pouco para realizar pequenas tarefas diárias. Uma cliente de coaching me disse que levava sua cachorrinha todos os dias para fazer suas necessidades na rua em frente sua casa e após recolher o que a cachorrinha havia feito retornava para casa, mas que não se distanciava mais que 50m do portão, então fiz a seguinte sugestão, porque não dar a volta no quarteirão com isto você faz sua caminhada também, unindo o útil ao agradável. Eu mesmo passo por estas dificuldades de tempo e agenda e resolvi de uma forma simples, moro no andar térreo de um prédio de 4 andares, hoje pelo menos 3 vezes por semana quando chego em casa, subo até o último andar e desço, assim mantenho minha rotina de caminhadas. São pequenos toques como este que vão estimulando seu corpo a sentir necessidade de se movimentar e criando o desejo de fazer cada vez mais. Assim quando organizar sua agenda se dedique mais fazendo uma academia ou qualquer outra atividade que te mantenha saudável fisicamente.

2-Saúde Intelectual/Espiritual

Segundo as estatísticas se nos dedicarmos 15 minutos por dia à leitura conseguimos ler um livro de mais ou menos 300 páginas por mês. Imagina se você ler algo que tem ligação direta com seu sonhos e objetivos de vida? Acredito que você conquistará seus objetivos com mais tranquilidade e assertividade. Quanto a sua espiritualidade, foque no que lhe traz equilíbrio no seu dia a dia, pode ou não ter relação com religião, respeitando sempre suas crenças e valores, pois eles te definem. Quando se trata de religião muitas vezes ouvi pessoas dizerem que não precisam ir à igreja para ter uma relação com Deus, mas fico imaginando que se a igreja é a representação física da casa de Deus na terra, como seria se você se envolvesse num relacionamento com outra pessoa e só esta pessoa frequentasse a sua casa, você acredita que este relacionamento duraria muito tempo. Cuidar da sua Saúde Intelectual e Espiritual ajuda e muito no seu equilíbrio emocional, principalmente em momentos de aflições e desafios, orientando seus comportamentos para que sejam mais adequados às adversidades e enfrentando-os na busca de soluções! Sobre conhecimento e religião acredito que todos temos muito a falar e discutir sobre o assunto que bem vasto, mas o mais importante aqui é você ter a consciência de que é necessário se respeitar e respeitar as crenças e valores dos outros, começando pelos mais próximos de você!

3-Saúde Familiar;

Talvez seja a saúde em que temos mais dificuldades e que consequentemente as maiores necessidades de atenção, pois é dela que absorvemos boa parte de nossas crenças e valores. Para se ter uma ideia segundo a Psicologia positiva 50% de quem somos é de origem genética e os outros 50%, 10% são ditadas pelas circunstâncias e o ambiente e 40% de origem comportamental e atitudes. Está informação vem de encontro ao dilema que somos aquilo que acreditamos ser e nossa base sendo boa ou ruim está fundamentada nesta saúde! Todos nós temos que nos primar para termos bons relacionamentos principalmente dentro da nossa família, é ela que com certeza quando mais precisarmos vai nos apoiar, mas também é certo que é dentro dela que temos nossos maiores desafios e desavenças de relacionamentos, onde a maioria de nossas mágoas são causadas, porque segundo a psicologia só sentimos mágoas de pessoas que são muito importantes em nossa vida, jamais sentiremos mágoa de um desconhecido. Vale lembrar também que perdão faz bem para quem perdoa e não para quem é perdoado. Você já magoou alguém sem querer? Pois bem se você já foi capaz disto com certeza já causou mágoas que você também não teve intenção, cabe a você perdoar porque como dizia Shakespeare!!!

“A mágoa é um veneno que bebemos esperando que os outros morram.”

William Shakespeare

Cabe a cada um fazer a sua parte e tomar as atitudes mais apropriadas para ter uma convivência saudável com nossos familiares, acredito que todas as pessoas possuem entre seus familiares aqueles com quem não conseguimos ter um relacionamento normal por diversas razões que não convém discutir aqui, mas você é responsável pelos seus atos e comportamentos, faça sua parte, quando encontrar com estes entes em algum evento familiar, cumprimenta, seja cordial e vá conversar com aqueles que você tem melhores relacionamentos, não precisa ficar fazendo sala. Assim você mostra que embora você não possa mudar as circunstâncias, você pode mudar a forma de lhe dar com ela. Faça isto e garanto que tornará sua convivência familiar mais harmônica e feliz para você e os outros.

4-Saúde Social

Muitos confundem Saúde Social como doar algum valor financeiro a alguma Instituição Filantrópica ou de Caridade, só que é muito mais do uma simples contribuição financeira, é como você contribui para a melhoria da comunidade onde você vive, seja um condomínio, um bairro ou até mesmo da cidade onde residimos. Costumo perguntar para alguns clientes quando nos deparamos com as metas para esta saúde, que se ele passar mal na rua do seu bairro ou no elevador do seu condomínio alguém saberia quem ele é ou ele seria apenas um indigente que ninguém se quer ouviu falar? Quando foi a última vez que você fez algo para melhorar o local onde você mora? Quantas reuniões de condomínio ou da comunidade você já participou para opinar? Etc...

“O dinheiro compra a casa mais não te vai dar um lar... Compra o remédio mais não te dará à saúde... Compra a cama mais não te dá o sono tranquilo... Compra o crucifixo mais não te dá à fé que te norteia. Dê valor as pessoas, dê valor a quem te ama e não ao dinheiro... Na vida há coisas mais importantes que o dinheiro não compra!”

Paulo Jordao

 

5-Saúde Econômica e Financeira

Aqui talvez aqui seja onde a maioria das pessoas mantém o seu foco, infelizmente poucos sabem administrar esta saúde de maneira adequada para que ela gere os benefícios necessários para termos uma vida com a qualidade que todo ser humano merece. Colocamos muitas vezes energia demais aqui e nos esquecemos de dar a atenção devida às outras saúdes e assim lá na frente nos vemos gastando tudo que ganhamos e investimos aqui para recuperar as outras.

Tenho tido experiências em alguns treinamentos que ministro, pessoas dando depoimentos de que investiram tempo, energia demais nesta área e que se hoje pudessem voltar no tempo tinham feito diferente.

Não estou dizendo que não devemos ter foco aqui, mas que este foco deve ser administrado de maneira coerente para que você tenha tempo para usufruir os benefícios que ela pode proporcionar.

Vejo que muitas pessoas não tem a educação financeira necessária para seu estilo de vida e muitas delas metem os pés pelas mãos e acabam se complicando seriamente nesta área, não sou especialista na área financeira, mas tenho vivenciado algumas práticas que tem me ajudado a lidar com esta saúde de uma maneira menos complicada.

Segue algumas dicas:

1 – Evite gastar mais do que ganha, e se possível reserve de 5% a 10% da sua receita para emergências, se puder mais, melhor.

2 – Educação financeira requer planejamento e disciplina, duas coisas que a maioria das pessoas tem dificuldade de fazer, comece mudando seus hábitos, faça pesquisas e orçamentos antes de decidir comprar ou investir em alguma coisa.

3 – Não seja radical demais para não frustrar suas expectativas, todo planejamento financeiro deve estar atrelado a algum objetivo a ser alcançado, assim se manterá motivado a cumpri-lo.

4 – Esteja atento às mudanças e reprograme-se sempre que necessário para manter a motivação e o controle sobre suas finanças.

5 – Estabeleça objetivos financeiros reais e concretos dentro das suas condições assim você sempre manterá suas expectativas à altura dos seus objetivos, eles podem ser desafiadores, mas nunca impossíveis.

6 – Comece com o que você tem e na medida que for conquistando vá ampliando seu leque de possibilidades, desta maneira você sempre estará no controle e pode atualizar seus projetos com mais segurança e confiabilidade.

7 – Faça um acompanhamento mensal das suas receitas e despesas, assim você saberá onde ajustar o seus gastos e investimentos e saberá exatamente onde seu dinheiro está sendo aplicado.

8 – Tenha um fundo de reserva para despesas anuais com o IPTU, IPVA, matrículas e materiais escolares, etc... Assim evita ser pego de surpresa e tomar um susto com estes valores quando surgirem.

9 – No início talvez você ache que cuidar das finanças é uma atividade complicada. Nesses momentos, é essencial insistir e acabar com a tentação de gastar em produtos superficiais. Assim, você consegue se acostumar a retirar e usar seu dinheiro com mais sabedoria, pensando e priorizando o seu futuro.

10 – Invista em autoconhecimento e educação financeira para adquirir ferramentas e se manter atualizado com as melhores técnicas de administração para o seu projeto de vida.

Colocar todas essas dicas em prática já é um grande passo para colocar suas finanças pessoais no ponto em que você deseja.

Não pense que será fácil, seja persistente e disciplinado assim colherá os frutos.

Cleiner Malta

Master Coach at Leader Training - Consultoria Asses. Treinamentos e Participações Ltda

Cleiner Malta
Publicado por: Cleiner
Em: 04/06/2018

Comente o que achou sobre este artigo.

Você também pode gostar destes artigos

23/01/2018

A Autodisciplina começa com o domínio do pensamento. Se você não controlar os seus pensamentos, você não pode controlar as suas necessidades.

25/10/2017

Coaching com PNL é uma ferramenta que ajuda as pessoas a fazer aquilo que muitas vezes não querem fazer, para que possam alcançar os sonhos e objetivos que almejam e a se tornarem aquilo que desejam ser.

25/10/2017

Acredito que existem muitas pessoas que tem muitas ferramentas e simplesmente não as usam, talvez por opção, por que não sabem que tem, mas em se tratando de seres humanos posso dizer que a maioria não usa por simplesmente ter que sair da sua zona de conforto para usá-las.